As proteínas whey

(4)

A proteína Whey, chamada há algum tempo de «soro de leite» é também conhecida por proteína de soro de leite e é inteiramente proveniente do leite. É uma proteína de destaque nas salas de musculação, no entanto pode ser igualmente útil noutras atividades.

A história das proteínas Whey

No início do século XX, a proteína whey era chamada de «soro de leite» e era obtida aquando do processo de fabrico de queijo. O soro nasceu da coagulação das proteínas e era considerado, na altura, um resíduo poluente. Para evitar a poluição do meio ambiente, as indústrias desidratavam o soro de leite, transformando-o num pó que podia ser utilizado na alimentação animal.
 

Em meados do século XX, a procura de substâncias que permitissem uma melhoria do trabalho muscular começou a expandir-se no meio científico. Isto permitiu o estudo de todas as capacidades do soro de leite e de evidenciar todos os seus efeitos benéficos.  

O que são as proteínas Whey ?

A proteína whey é uma proteína de soro de leite. É totalmente obtida a partir do leite, sendo que este é composto de 80% de caseína e de 20% de soro de leite.
O soro de leite é a proteína que possui a mais elevada qualidade biológica, ou seja, é a proteína cujos aminoácidos são os mais assimiláveis pelo corpo.
O soro deleite contém água, lactose e proteínas solúveis, vitaminas (B1, B2, B6) e minerais (principalmente cálcio).

Como obter whey? O soro de leite é filtrado de forma a concentrar as proteínas e depois desidratado para obter um pó: a whey.

As diferentes tipos de proteínas Whey

Existem diferentes tipos de proteína whey. É o seu processo de filtração que permite diferenciá-las. Inicialmente existem os concentrados, que têm a forma mais simples, e logo as que apresentam menor custo. As formas de whey que apresentam maior custo são os isolados e os hidrolisados. Em função do processo de filtração, o teor em proteína será diferente:

  • Concentrado de whey: 70 a 80% de proteínas

  • Hidrolisado ou isolado: 85 a 95% de proteínas.

Quanto maior for a concentração em proteína, menor será a quantidade de hidratos de carbono e lípidos, mas os processos de purificação terão um custo mais elevado para o valor do produto final.

A composição das proteínas Whey

A proteína whey contém todos os aminoácidos essenciais. No entanto, é particularmente rica em BCAA (Branched Chain Amino Acid), composta de 3 aminoácidos: valina, leucina e isoleucina. Cerca de 25% das proteínas de whey são BCAA. Estes últimos são os aminoácidos mais utilizados pelo músculo.

De salientar ainda que a proteína whey é uma ótima fonte de glutamina, que é um aminoácido protetor do músculo.
Em comparação, a proteína whey tem um valor biológico entre 104 e 114, enquanto a caseína tem um valor de 80.
 

O valor biológico de uma proteína é calculado em função dos aminoácidos que ela contém. Este valor serve para medir a digestibilidade da proteína. Quanto maior for esse valor mais facilmente os aminoácidos contidos na proteína serão assimilados e utilizados pelo organismo.
 

Se ainda tiver alguma dúvida, contacte o nosso vendedor técnico gratuitamente

Marie Fauchille
Dietética | Nutricionista
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Validação
Conselhos

Existe um número importante de fontes de proteína em pó, as wheys, as caseínas, os aminoácidos... Mas porquê utilizar uma whey em vez de uma caseína? Porque existem várias wheys? Qual a diferença entre uma proteína animal e vegetal? Vou responder a todas as vossas perguntas.

(1)
VOLTAR PARA O TOPO